Mercedes dos deputados e myloves do povo moçambicano: para que servem as eleições?

mercedesemylovesRefiller Boy é um jovem músico e crítico de fenómenos sociais com maior enfoque nos que são decorrentes da atuação dos governantes de Moçambique.

Na sua música Hi kombela rivalelo o jovem músico faz uma crítica sobre a situação da subida salarial discrepante verificada em 2017, onde um funcionário normal da função pública somente teve 500mtn=7 euros enquanto os deputados ganham um mercedes calculado em 5 milhões de meticais= 74. 622 Euros e os demais subsídios.

Refiller Boy refere que o povo pede desculpas, está arrependido, não sabia que votar se equiparava se condenar a pobreza e enriquecer os deputados, estes que ficam sempre engravidados, com barrigas grandes. Os governantes contraem dívidas ocultas em nome do povo que lhe confiou o poder. O Povo é transportado em “my love” (designação de amontoados de pessoas que se abraçam, apertam como se fossem íntimos em transporte caixa aberta).

Na mesma música, Refiller Boy faz uma crítica à subida dos preços de produtos de necessidades básicas como o pão, açúcar, transporte público, e mais.

Trata-se de uma música para a reflexão da atuação dos nossos governantes e sobre a importância do voto consciente.

Share This